Transtorno bipolar do humor


Autoria: Dra. Ana Beatriz Barbosa Silva

* Dra Ana Beatriz Barbosa Silva (Médica Psiquiatra, CRM/RJ 5253226/7)

O transtorno bipolar do humor é uma enfermidade que se caracteriza pela alternância de episódios de euforia e episódios de depressão, com épocas de normalidade nos intervalos. Em geral, os episódios se repetem a intervalos menores com o passar dos anos.

Alguns pacientes  apresentam mais períodos de depressão do que de euforia, enquanto outros mais euforia do que de depressão. Casos exclusivos de mania são raros. Episódios repetidos de depressão caracterizam o transtorno unipolar – também chamado de depressão unipolar (ver descrição de depressão).

O que é euforia? 

Na euforia existe uma exaltação do humor, com aumento de energia de forma desproporcional ou sem relação com eventos da vida. O paciente se irrita facilmente (“pavio curto”) e o fluxo das ideias está acelerado. Familiares e pessoas à sua volta percebem claramente esta mudança de humor que, quase sempre, ocorre de maneira abrupta. O paciente não percebe que algo está errado. Atribui a mudança de humor a fatores situacionais, opondo-se aos argumentos médicos e familiares.

Sintomas mais importantes do transtorno bipolar do humor

  • Irritabilidade e impaciência;
  • Pensamentos acelerados, fala rápida;
  • Ideias de grandeza;
  • Sentimentos de bem-estar, alegria ou raiva;
  • Otimismo exagerado;
  • Gastos excessivos, endividamentos;
  • Distraibilidade;
  • Aumento da disposição;
  • Começa muitas coisas simultaneamente e não consegue terminar;
  • Inquietação física;
  • Desinibição exagerada, comportamento provocativo ou mesmo ofensivo;
  • Aumento da libido;
  • Insônia;
  • Delírios e alucinações podem ocorrer somente em casos graves.

O que é hipomania?

Trata-se de um estado de euforia mais leve, onde há um predomínio claro da irritabilidade em vez da alegria. A hipomania é bem mais comum que a euforia (também chamada de mania).

Na hipomania a irritabilidade e a impaciência são desencadeadas com os mínimos estímulos. As pessoas se sentem facilmente provocadas e desafiam os que convivem com elas, gerando brigas e discussões. Muitas vezes a própria família não percebe e fica desgastada porque o diálogo se torna impossível.

Consequência eufórica

Pessoas com transtorno bipolar consultam em média quatro médicos e levam mais de nove anos antes de receber o diagnóstico correto. O reconhecimento precoce e a terapêutica adequada ajudam a evitar uma série de consequências, tais como: ato auto-agressivo, abuso de álcool e/ou drogas (em mais de 60% dos pacientes), endividamentos, perda de trabalhos e relações conjugais.

O que é estado misto?

Quando a pessoa apresenta sintomas de depressão e de euforia alternados no mesmo dia, ela está apresentando um transtorno bipolar misto.

O estado misto frequentemente não é diagnosticado porque o paciente pode acordar se sentindo apático, sem energia e ir melhorando no decorrer do dia a ponto de ficar mais alegre, falante e ativo ao entardecer e à noite.

Qual a causa do transtorno bipolar?

Os estudos indicam que o componente genético é fundamental. Parentes próximos aos que sofrem de transtorno bipolar do humor estão mais predispostos a desenvolver a doença do que a média das pessoas.

Qual a prevalência do transtorno bipolar do humor?

Estima-se que 4,9% da população sofram de doença bipolar, considerando-se os que apresentam hipomania (a forma de euforia mais leve).

A doença se inicia em geral na adolescência ou na idade de adulto-jovem (20-24 anos).

O transtorno  bipolar tem cura?

A doença é recorrente e futuros episódios serão evitados através do controle da manutenção do tratamento.

O tratamento

Varia de acordo com a fase da doença:

  • Fase aguda: visa controlar o episódio eufórico;
  • Fase de manutenção: visa prevenir futuros episódios.

Ele sempre será composto de medicamentos, orientação e psicoterapia.

Como existem várias opções de terapêutica medicamentosa para o transtorno bipolar do humor, o diálogo com o médico é fundamental para se estabelecer o esquema mais adequado e confortável para cada paciente.

Fonte:

CONSULTÓRIO

Avenida das Américas, 3500, bloco 6
Condomínio Le Monde, sala 401,
Barra da Tijuca, Rio de Janeiro – RJ
CEP: 22640-102
(21) 3435-8592 / 3435-8597
Cel.: (21) 99566-5547

CONSULTÓRIO

Avenida das Américas, 3500, bloco 4
Condomínio Le Monde, sala 107,
Barra da Tijuca, Rio de Janeiro – RJ
CEP: 22640-102
(21) 3042-9525 / 3042-9526
Cel.: (21) 99566-5558

EVENTOS E ENTREVISTAS

Assessoria literária:
Mirian Pirolo
mirianfpirolo@gmail.com

Assessoria de Eventos:
Maria Célia Arruda
mceliaarruda@yahoo.com.br

REDES SOCIAIS